Após erro envolvendo a Câmara, Prefeitura de Sousa corrige edital de licitação para venda da folha de pessoal por R$ 2,6 milhões

A Prefeitura de Sousa vai realizar nesta quarta-feira (18), as 8h30, licitação do tipo pregão presencial para definir a agência bancária a gerenciar a folha de pagamento dos servidores efetivos, comissionados, contratados, eletivos, aposentados e pensionistas.

Devido a um erro na publicação que inseriu a Câmara de Vereadores no certame, o edital foi republicado esta semana para correção. O valor estipulado, de acordo com o edital, é de R$ 2.614.680,00.

O Município de Sousa conta com 2.414 servidores, levando-se em conta o mês de junho da Prefeitura (1.438 funcionários) e da Secretaria de Saúde (925 funcionários) e abril, referente ao DAESA (51 funcionários).

De acordo com a pregoeira Alyne Santos, as agências interessadas podem apresentar suas propostas até o dia da licitação, cujos envelopes serão abertos e o maior valor ganhará o certame. “Caso haja recurso, deve-se aguardar prazo de seis dias para análise. Do contrário, o contrato já passa a valer, pois o atual está se vencendo”, completou ao Blog do Levi, a assessora jurídica Roberta Leonor.

O Bradesco é o banco responsável pelo pagamento da folha de pessoal desde o ano de 2013. Atualmente Sousa dispõe de sete agências bancárias, sendo três públicas (Banco do Brasil, Caixa Econômica e Banco do Nordeste) e quatro privadas (Santander, Bradesco, Itaú e Sicred).